Reclamações




Segundo o Código de Defesa do Consumidor caso ocorra a presença de vícios (problemas) que possam ser constatados com facilidade, o consumidor terá um prazo de 90 dias para reclamar.

A reclamação é um direito dos consumidores. Caso tenha algum problema, veja os passos necessários para fazer uma reclamação de acordo com a lei Brasileira.



Após a reclamação se não houver a solução até um prazo de, no máximo, 30 dias, o consumidor poderá exigir, a sua escolha:

  • a troca do veículo por outro da mesma espécie;

  • o cancelamento da compra, com a devolução da quantia paga;

  • ou o abatimento proporcional do preço.

Para resguardar direitos, nesse prazo, o consumidor deve, formalizar sua solicitação de cancelamento ao fornecedor. O pedido deve ser feito por escrito, em duas vias, guardando-se uma delas, protocolada, como comprovante. No caso de compra, deve ser mencionado que o produto está sendo devolvido ou que estará à disposição para que seja retirado. O protocolo, na via do consumidor, dependerá da forma como for entregue o pedido:

  • pessoalmente: deve pedir que o funcionário que receber date e assine a segunda via;

  • por correio: enviar o pedido e o produto através de Aviso de Recebimento (AR). Quando o correio devolver o comprovante de que recebeu a carta, anexá-lo à segunda via;

  • por fax: anexar o comprovante da transmissão, na cópia do pedido;

  • por e-mail: imprimir a cópia;

  • por telefone: anote um número de protocolo e o nome do funcionário que fi zer o atendimento.

Após essa providência, o fornecedor deverá devolver, de imediato e com correção monetária, o valor pago pelo consumidor. Caso isso não ocorra, a questão poderá ser encaminhada à Fundação Procon.


Veja os nossos artigos sobre a compra de carros, documentação, reclamações e formas de financiamento:






Fontes da Informação:

“Fundação Procon – Diretoria de Estudos e Pesquisas

Rua Barra Funda, 930, 4º andar – Barra Funda – CEP 01152 - São Paulo/SP”





A seguinte informação é disponibilizada pela FIPE e informa qual o objetivo e a forma como a Tabela Fipe é calculada. Para maiores informações consulte o site da FIPE.

1. A Tabela Fipe indica valores e preços médios de transações de veículos no mercado brasileiro. Serve apenas como parâmetro de avaliações e indicador de negociações. Os preços de transações de veículos podem variam devido a vários fatores, como a região da venda, o estado de conservação do veículo, acessórios, cor, quilometros rodados, ou outros fatores.
2. O ano do veículo indicado na tabela diz respeito ao ano do modelo. Não são considerados os valores de veículos transacionados para uso profissional ou para uso especial.
3. Os valores são indicados sempre em R$ (reais) e dizem respeito ao mês e ano de referência.
4. Os valores e preços aqui indicados podem também servir de base ao cálculo do IPVA.


Este website Tabela FIPE Brasil é independente e não tem qualquer relação com a FIPE

Valores de 5977 modelos de carros, 1485 modelos de motos, 1493 modelos de caminhões à venda no Brasil com base na Tabela FIPE de Junho 2020

Contate TabelaFIPEBrasil

Veja a nossa página do Facebook

Política de Privacidade

© 2020 Tabela Fipe